• @_partilha

Deixa a vida me levar?

A importância do autoconhecimento para ter as rédeas da própria vida

Todos conhecem e alguns até se divertem com a clássica música de Zeca Pagodinho: “Deixa a vida me levar, vida leva eu”. Mas será que essa é mesmo a opção mais saudável e a que nos levará à felicidade? Você comanda sua vida ou é comandado por ela?


Imagine dois homens, cada um em uma carroça com dois cavalos em cada uma delas. O primeiro deles não comanda a rédea e deixa os cavalos seguirem o caminho que querem e o segundo segura firme as rédeas e conduz a carroça no caminho que ele escolheu. A sensação é que o primeiro está menos cansado que o segundo, não é mesmo? Mas qual dos dois chegará ao destino desejado?


A famosa cena de “Alice no País das Maravilhas” em que o gato explica para a menina que se ela não sabe para onde vai, qualquer caminho serve, ilustra bem a metáfora das rédeas. E você, sabe para onde está indo? Toma as rédeas ou é levado pelos cavalos?


Porém, para saber aonde se quer chegar, é necessário se conhecer. É preciso ter consciência sobre nossos comportamentos e nossas escolhas diárias, além de reforçar crenças possibilitadoras e agir de acordo com nossos valores.


Como você age e reage no dia a dia? Você faz o que quer fazer ou procrastina seus sonhos? Você prefere atividades individuais ou coletivas? Você é impulsivo ou mais planejador? Ao responder essas questões você estará tomando consciência de seus comportamentos, das ações que te levam (ou te deixam ser levado) no caminho da vida.


Conhecer nossos comportamentos é importante, mas é mais poderoso ainda conhecer o que os norteiam: as nossas crenças e os nossos valores. Crenças são os “filtros” através dos quais enxergamos a realidade. São afirmações que fazemos para nós mesmos ou que escutamos a vida toda e passamos a acreditar nelas. Por exemplo: para você, o desenvolvimento intelectual traz resultados na carreira profissional? Se sim, provavelmente você estará sempre estudando e buscando novos conhecimentos. Se não, você só estuda para cumprir obrigações. Ao tomar conhecimento de nossas crenças, podemos dar foco naquelas que são “boas” e nos levam para aos nossos objetivos e nos livrar daquelas que não são tão legais assim.


E para ser feliz ao tomar as rédeas de nossas vidas é imprescindível conhecer os nossos valores. Eles são os critérios que usamos para tomar as nossas decisões a curto, médio e longo prazo, como, por exemplo: família, saúde, espiritualidade, trabalho, lazer. Cada pessoa tem os seus valores e viver em congruência com eles nos traz plenitude.


Então, se você quer ser o dono da rédea e conduzir conscientemente sua vida, conheça-se! Ao final do caminho você terá os resultados na medida em que se permitiu e se esforçou!


#rédeas #vida #felicidade #comandar #caminho #conhecimento #valores

2 visualizações

© 2020 by Na Ponta da Língua. Proudly created with Wix.com